sexta-feira, 6 de junho de 2014

Respire fundo



Enquanto eu respirar eu vou desejar

que todos os dias sejam feitos dos seus sorrisos,

do seu jeito distraído,

do gosto dos seus lábios.

Enquanto eu respirar eu vou desejar

que todas as manhãs sejam feitas da simplicidade

dos seus olhos que brilham,

da sua voz rouca dizendo bom dia.

Enquanto eu respirar eu vou desejar

que todas as noites sejam feitas de gargalhadas,

de cócegas nos seus pés,

do seu morrer de frio,

das músicas mais legais cantada em seu ouvido.

Enquanto eu respirar eu vou desejar

que todos os sonhos sejam sonhados no calor dos nossos abraços,

que a eternidade seja construída na simplicidade de um dia,

que a saudade seja minha companhia quando estiver longe de você.

Enquanto eu respirar eu vou desejar

que nossas mãos não se separem no mais forte vendaval,

que nossos olhos não se percam na mais forte tempestade,

que nosso sentimento continue sem explicação,

porque tudo que se pode explicar é necessário,

mas nem sempre é essencial.

Enquanto eu respirar eu vou desejar

que nenhuma palavra seja mais importante que as atitudes do dia-a-dia,

que se houver gritos que seja de alegria,

que se houver discussões que seja de quem é mais bonito,

tudo bem, eu sempre perco.

Enquanto eu respirar eu vou desejar

outras mil coisas,

mas existe apenas uma coisa que eu nunca vou deixar de desejar,

e enquanto eu respirar eu nunca vou deixar de desejar você.

Nenhum comentário: