domingo, 28 de março de 2010

Se o dia não acordar


Se o dia não acordar,
esqueça as frases decoradas,
carregue as bagagens,
com tudo que traz esperança.
E lembre de dar o último beijo,
e lembre de prender a respiração.

Desaba sobre nós,
a chuva gelada,
desse céu de chumbo,
o que deixamos por fazer,
e as preocupações do mundo.

Se o dia não acordar,
diga o que tem pra dizer,
envie cartas de amor,
para um endereço qualquer.
E lembre de dar o último beijo,
e lembre de prender a respiração.

Um comentário:

HUGO... EM ALGUM LUGAR... disse...

ESTOU PASSANDO PARA LHE PARABENIZAR PELO SEU BLOG... MTO BOM MESMO, BELOS TEXTOS, BELOS POEMAS.... QUE DEUS TE ABENÇOE!!! ABRAÇOSSS..

HUGO