quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Então foi só isso?

Então foi só isso?
Um beijo no portão.
Uma noite de ilusão.
Um alguém pra não pensar.
Então foi só isso?
Mais um coração no lixo.
Um amor não correspondido.
O fim virando recomeço.
Então foi só isso?
Abraços apertados.
Deixar pra depois.
Um sentimento em pedaços.
Então foi só isso?
Tentar não pensar.
Fechar os olhos para o que poderia ser.
Então...
Foi apenas...
Isso?
Minhas palavras se perdendo,
enquanto minhas mãos desenhavam seu cabelo,
meu coração pobre oferecendo o único tesouro que tinha,
um também negligenciado,
a sensação de estar faltando um pedaço,
de ver um mundo sem órbita no espaço,
ficar sentado junto aos pensamentos em cacos.
Então foi só isso?
Um relacionamento congelado,
com um tempo que passa rápido demais,
o calor do meu corpo se perdendo no seu frio e doce não saber o que fazer.
A noite perfeita pra um de nós dois,
e só pra um de nós dois?
Sem significar nada? Sem mudar nada?
Então foi só isso?
Isso que me faz querer ficar só,
isso que é errado desde o começo,
pisar sem olhar para o chão.
Então foi só isso?
Só meu peito aberto,
esperando um disparo seu?
Só minhas verdades,
escorrendo pelo ralo do medo?
Só um beijo com gosto de arrependimento?
Será que foi só isso,
e nada mais?
Sem brilho, sem a saudade do momento que passou?
E então...
Foi só isso?

Nenhum comentário: