terça-feira, 27 de outubro de 2009

Vida Simples

Chego em casa, meio cansado do trabalho,
logo vejo a casa meio bagunçada,
penso ter sido um furacão que passou por aqui,
ouço passos se aproximando bem devagarinho,
sinto o cheiro do lar, cheiro da paz,
ela me vê e vem correndo, gritando papai.
Tomo banho e deito no colo de quem tanto amo,
me admira o fato de a cada dia ela estar mais bonita,
mas antes que eu possa reparar na esposa mais linda,
logo sinto o pulo da minha filha na minha barriga,
me contando como foi todo o seu dia.
Jantamos juntos após esperar o término da oração,
pelo bichos, brinquedos, papai, mamãe e todas as criançinhas,
mas sempre esquecendo de orar pela comida,
de diferente mesmo só o corte de cabelo da minha esposa,
que depois de meia hora falando ela resume dizendo que só cortou dois dedos,
fora isso era o mesmo jeito lindo que ela tem de falar e rir ao mesmo tempo.
Chegou a hora de dormir,
aviso a princesinha que me ajudava a lavar louça na cozinha,
ela me olha e me pergunta se eu a acordarei de novo pra dar um beijo de bom dia,
eu a pego no colo, faço cócegas em sua barriga,
e digo que farei isso todos os dias.
Chego no quarto,
e a mamãe já tinha arrumado tudo,
ursinhos prediletos de um lado,
e o livro de histórinhas do outro,
deitamos um em cada lado,
era a vez da mamãe contar a histórinha lembra nossa filha,
só me lembro da minha esposa me chamando,
dizendo baixinho "você perdeu o final da história".
Vamos para o nosso quarto,
falamos sobre os planos de viajar ou trocar de carro,
falamos sobre os sonhos e o que nos tornamos,
na cabeceira da cama nossos retratos,
a vida simples de quem se ama a cada ato,
eu olho nos olhos dela,
e mais do que dizer te amo,
eu só consigo dizer obrigado,
ela me beija e adormecemos abraçados.
Acordo cedo, como sempre quase atrasado,
dou-lhe nela um beijo,
e no espelho escrevo um recado,
pra que ela não se esqueça,
que eu vou passar o dia inteiro longe,
querendo estar do seu lado.

Nenhum comentário: