terça-feira, 27 de outubro de 2009

As lágrimas dela me fazem chorar

Ela passa a mão sobre seu rosto molhado,
falando que não consegue entender,
a vida difícil, a história em pedaços,
sua vida repartida em cacos,
ela tem um par de olhos verdes tão bonitos,
um sorriso doce e lindo,
mas o que se vê hoje são lágrimas caindo.
Ela me diz que não queria ter vivido isso,
me diz isso fazendo carinho em seu pequeno filho,
ela fala sobre o sonho de ter tido um grande amor,
de ter encontrado alguém que a ela desse valor,
mas não foi bem assim,
ela me diz estar cansada de tanto presenciar o fim.
São tão verdadeiras suas palavras,
que apagam de mim todos meus dias tristes,
e por alguns instantes só existe eu e ela,
questões sem respostas, solidão que bate a porta,
e segundas chances que parecem ter ido embora.
Queria falar mil coisas, o silêncio dela me invade,
e todas as frases decoradas são rasgadas,
tudo que aprendemos não vale mais nada,
e nada poderia valer mais que cada lágrima enxugada.
Ela já não se lembra quantas vezes foi abandonada,
usada como uma garrafa que se joga na estrada,
perdeu a conta de quantas promessas foram quebradas,
de quantas vezes foi roubada,
e algumas vezes não lhe restara nada,
só mesmo o bom conselho que o choro de manhã passa.
Ela diz não entender o porquê que ninguém a entende,
me olha como se eu tivesse a resposta para as dores do mundo,
mas fico sem saber o que dizer,
são nossas escolhas erradas,
são belas ilhas cercada por um mar de ilusão,
são minhas tentativas de achar alguma solução,
e cada lágrima dói tanto em mim,
que nem sei o porquê,
eu não a amo apenas a quero bem,
mas faria questão.
de tirar de mim sem anestesia o meu coração,
e dar pra ela em forma de presente,
pra que ela soubesse que existe esperança,
mesmo quando a soma da nossa vida tem um saldo descontente.

2 comentários:

XaUrÉLiO disse...

eita... sem graça.. copiando quase o mesmo tema..
=p
huaehuheah...

ve ai o q vc axo entao... se tive ruim nao fala..
=p
heuaeah..

abraçow...
PS: mto bom seu post! =]
como sempre.. ^^

Poética Mente disse...

sou teu fã mano