quinta-feira, 8 de maio de 2008

Queria te dizer pessoalmente

Quem me dera ter palavras bonitas pra te dizer,
quem me dera ser alguém melhor pra agradar você,
mas tudo que faço parece me afastar,
e se fico longe,
vejo tudo desabar.
Nem sei se podes me ouvir,
é que quase não consigo respirar,
meu mundo de sorrisos se transformou em uma tristeza,
que não consigo explicar.
Sei que vives pra sempre e seu amor não tem fim,
mas em meio ao Sol parece tudo tão escuro,
e eu tenho tantas pessoas pra conversar,
mas não consigo dizer nada,
se só Tu podes me ajudar.
Estou sangrando e não sei onde me feri,
meus inimigos se uniram pra rir de mim,
e embora o justo não mendige o pão,
eu tenho suplicado por um pouco de atenção,
pois só teu cuidado me trás a alegria de viver,
me faz ver que o Sol brilha acima do temporal.
É que meus sonhos são tão irreais,
e eu sou tão pequeno diante de tudo que sonho,
e eu queria dizer-te isso tudo pessoalmente,
mas nem digno sou de entrar em tua presença,
ainda sinto o gosto da poeira,
sim eu sei que Tu me estendeste a mão,
mas os rastros de uma queda ainda são profundos no meu coração.
E não há ninguém como Tu,
como poderia eu chegar ante a Ti, tão machucado,
com uma tristeza fantasiada de sorrisos,
se Você tudo vê?
E não há ninguém que se compare a Ti,
minhas palavras não formam frases,
e eu forço minhas lágrimas a ficarem nos meus olhos,
porque já não entendo como ainda posso magoar você.
Mas só quero que você saiba que te amo,
que ainda que não se realize nenhum dos sonhos,
estar perto de Ti ainda é meu maior prazer,
e ouvir teu Santo Espírito é minha melhor canção,
só quero que saiba que ainda te amo,
como jamais poderia amar outro alguém.

Nenhum comentário: